CURIA
rss
pesquisa avançada
Estágios

Informações gerais

O Tribunal de Justiça da União Europeia oferece anualmente um número limitado de estágios remunerados com uma duração máxima de cinco meses. Os estágios são efetuados principalmente na Direção da Investigação e Documentação, na Direção da Comunicação, Unidade Seminários e Visitas, na Direção-Geral da Tradução, na Secretaria do Tribunal Geral e na Direção da Interpretação (para as modalidades de estágio na Interpretação, ver infra).

Há dois períodos de estágio:

- de 1 de Março a 31 de Julho (formulário a enviar o mais tardar até 30 de Setembro)
- de 1 de Outubro a 28 de Fevereiro (formulário a enviar o mais tardar até 30 de Abril)

Os candidatos, detentores de um diploma universitário de Direito ou de Ciências Políticas (domínio Direito), ou, para os estágios na Direção de Interpretação, de um diploma de Intérprete de Conferência, devem preencher, imprimir e assinar este formulário: EN / FR, e enviá-lo para o endereço eletrónico seguinte Stages.services@curia.europa.eu, acompanhado de um curriculum vitae pormenorizado e de cópias dos diplomas e/ou certificados. Cada ficheiro deverá conter o apelido e o nome próprio do candidato ao estágio, bem como um número de ordem. O tamanho do conjunto dos ficheiros a anexar não pode ser superior a 5 MB.

Caso tenha dificuldade em abrir o formulário, aconselhamos a descarregá-lo para o disco do seu computador e a utilizar o programa Adobe Reader para a leitura, em vez do seu navegador. 

Por razões de serviço, é desejável um bom conhecimento da língua francesa.

Os estágios na Direcção da Interpretação, com uma duração de dez a doze semanas, destinam‑se, em primeiro lugar, a recém-formados em interpretação de conferência cuja combinação linguística apresente interesse para a Direcção da Interpretação. O objectivo é permitir aos intérpretes recém‑formados serem orientados no seu aperfeiçoamento em interpretação, mais concretamente jurídica, que inclui simultaneamente a preparação dos processos, o trabalho de investigação terminológica e exercícios práticos na «cabine muda». Exige-se que os candidatos tenham capacidade para ler textos em língua francesa. Durante as férias judiciais não há audiências.

.