Brochuras informativas

Desde 1952, o Tribunal de Justiça da União Europeia zela pelo respeito e pela boa aplicação do direito da União nos Estados-Membros. Através de numerosos acórdãos, verificou que proibições de discriminações previstas no direito da União não eram respeitadas e reforçou-as. Esta brochura apresenta uma seleção dos acórdãos marcantes do Tribunal de Justiça agrupados por categorias de discriminações.

Desde 1952 que o Tribunal de Justiça da União Europeia (TJUE) garante o respeito e a correta aplicação do direito da União nos Estados-Membros. Ao longo dos anos, o Tribunal proferiu acórdãos que reforçaram a integração europeia, tendo simultaneamente reconhecido direitos cada vez mais abrangentes aos cidadãos, nomeadamente em matéria de cuidados de saúde. Nas páginas seguintes serão apresentados alguns acórdãos marcantes do Tribunal de Justiça nesta matéria.

Desde 1952, o Tribunal de Justiça da União Europeia (TJUE) zela pelo respeito e pela correta aplicação do direito da União nos Estados-Membros. Ao longo do tempo, proferiu acórdãos que reforçaram a integração europeia, conferindo aos cidadãos direitos cada vez mais alargados. As páginas seguintes apresentam alguns acórdãos marcantes do Tribunal de Justiça sobre os direitos dos passageiros aéreos.

Desde 1952 que o Tribunal de Justiça da União Europeia (TJUE) zela pelo cumprimento e pela boa aplicação do direito da União nos Estados-Membros. Ao longo dos tempos, proferiu acórdãos que reforçaram a integração europeia ao mesmo tempo que conferiram aos cidadãos, e em especial aos jovens, direitos cada vez mais alargados. As páginas seguintes apresentam alguns acórdãos marcantes do Tribunal de Justiça, classificados por temas.